Projeto Semear​

Município

São Miguel Arcanjo

Data de Início

06/2022

Data de Finalização

0

Comunidades Atendidas

0

Agricultores no Projeto

O projeto em parceria com a CPQD é uma iniciativa que tem como objetivo oferecer suporte técnico aos pequenos agricultores familiares do município de São Miguel Arcanjo – SP. Com foco em diferentes produções, desde olerícolas até frutíferas, buscamos capacitar esses produtores de forma remota, proporcionando conhecimento e segurança em todas as etapas do processo agrícola, desde o plantio até a comercialização. Acreditamos que essa parceria será fundamental para impulsionar o desenvolvimento da agricultura familiar na região e contribuir para a melhoria da qualidade dos produtos cultivados.

Com base nessa visão colaborativa entre a ManejeBem e CPQD, estamos comprometidos em levar todo o suporte necessário aos produtores familiares locais. Por meio de capacitação remota, nosso principal objetivo é fornecer conhecimentos técnicos atualizados sobre diversas produções agrícolas. Desde os cultivos mais tradicionais até as práticas inovadoras no campo da agricultura sustentável, queremos garantir que esses produtores tenham acesso às informações necessárias para obterem sucesso em suas atividades. Dessa forma, eles poderão enfrentar desafios com confiança e alcançar melhor.

Sistemas Produtivos

Empresas Parceiras

Resultados do Projeto

0

Atendimentos entre 2022 e 2023

0 %

De aumento na renda bruta familiar entre 2022 e 2023

0 %

De aumento no acesso ao crédito rural

O projeto realizou 715 atendimentos entre 2022 e 2023, evidenciando avanços notáveis. No início de 2022, 83% dos entrevistados alegaram não ter acesso à assistência técnica, contrastando com o cenário em 2023, no qual 100% dos produtores afirmaram receber esse suporte fundamental.

Os resultados destacam a eficácia das orientações técnicas, evidenciada pela incorporação de novas práticas, como o uso de adubação verde, nas rotinas produtivas dos agricultores. O emprego de quebra-ventos aumentou significativamente, passando de 11% para 55%.

Após orientações sobre práticas ambientalmente responsáveis, 90,9% dos entrevistados passaram a destinar suas embalagens adequadamente, representando um aumento de 31% na correta gestão desses materiais.

Os números revelam um progresso notável em diversas áreas. A realização de análise de solo cresceu de 84% para 90%, um acréscimo de 7%, enquanto a adesão ao controle alternativo passou de 17% para 38% após um ano de assistência técnica.
No primeiro ano de acompanhamento, o percentual de produtores adotando tecnologias ambientalmente amigáveis saltou de 40% para 63%, marcando um avanço expressivo de 59% na direção da sustentabilidade.

O acesso ao crédito rural experimentou um aumento substancial, passando de 61,5% para 70%, representando um crescimento de 14%. Com orientação técnica adequada, a posse da DAP pelos produtores evoluiu de 61% para 81%, indicando um progresso de 33% no acesso às políticas governamentais.

A regularização das propriedades junto ao CAR e CEFIR, essencial para a legalidade das atividades, foi alcançada em 100% dos imóveis rurais após um ano de projeto.

Os resultados finais revelam um notável aumento na renda bruta familiar, passando de aproximadamente R$6.534,18 em 2022 para R$7.628,55 em 2023, representando um crescimento de cerca de 16%. Além disso, destaca-se o impressionante aumento na média de treinamentos profissionais, que saltou de 0,54 por ano em 2022 para surpreendentes 5,81 em 2023, indicando um crescimento expressivo de 915% durante o período de acompanhamento do projeto.

Cotas do projeto

Dentro do modelo de negócios da ManejeBem, o cliente pode solicitar a implementação de um novo projeto ou efetuar a aquisição de cotas dos projetos de compensação ambiental e social financiados pela própria ManejeBem e já em execução, com total flexibilidade para escolher a quantidade desejada, de 1 a 20 cotas. “Ao adquirir uma cota, a empresa garante o financiamento parcial de um projeto em execução e ainda recebe benefícios exclusivos, como um relatório anual completo, com 5 indicadores de sustentabilidade, e comunicados mensais para atualização sobre o andamento do projeto.

O cliente que decidir comprar todas as cotas disponíveis terá direito exclusivo sobre o projeto e mais de 30 indicadores acompanhados ativamente para garantir que todos os esforços estejam gerando um impacto real, eficiente e duradouro” (Juliane Blainski, CEO da ManejeBem).

0

Cotas Disponíveis

Projetos de sustentabilidade da ManejeBem seus clientes e parceiros

Soluções inteligentes para o agronegócio e tecnologia

Clientes e Parceiros

Newsletter